Provas e gabaritos anos anteriores

- 2005 (Com Áudio)
- 2006 (Com Áudio)
- 2007 (Com Áudio)
- 2008 (Com Áudio)
- 2009 (Com Áudio)
- 2010 (Com Áudio)
- 2011

Simulados
- 2005
- 2006
- 2007
- 2008
- 2009
- 2010
- 2011






Simulado COC-ENEM
1) Uma pesquisa de opinião foi realizada para avaliar os níveis de audiência de alguns canais de televisão, entre 20h e 21h, durante uma determinada noite. Os resultados obtidos estão representados no gráfico de barras:

O número de residências atingidas nessa pesquisa foi aproximadamente de:
(A) 100
(B) 135
(C) 150
(D) 200
(E) 220

2)

(Folha de S. Paulo - 21/7/00)

Analisando os gráficos apresentados, pode-se afirmar que:

(A) em todas as regiões pesquisadas, o setor agrícola somado a comércio ultrapassa o setor de serviços, quando se trata da ocupação por setores da economia.
(B) considerando o desenvolvimento da região Sudeste e que nela o setor de serviços detém quase 50% da ocupação, podemos concluir que a região Centro-Oeste é mais desenvolvida que a região Sul.
(C) tomando como verdadeira a afirmação de que a população brasileira se compõe de 170 milhões de pessoas, podemos, com base nos gráficos, situar a população rural em torno de 55 milhões de pessoas
(D) apesar de os setores do comércio e da construção apresentarem o maior equilíbrio percentual, entre as quatro regiões, não podemos dizer que a ocupação de mão-de-obra entre eles seja equilibrada, também, quanto ao número de trabalhadores.
(E) as regiões banhadas pelo mar, diferentemente de outras, têm altos índices percentuais nos setores de serviços e construção civil o que revela nítida conseqüência da atividade turística.3) Observe o primeiro gráfico, some os percentuais dos dois setores que, teórica e conceitualmente exigem menor índice de escolaridade de seus trabalhadores e marque a alternativa em que se encontra o percentual resultante dessa soma:

(A) 49,07%
(B) 30,08%
(C) 19,02%
(D) 37,06%
(E) 55,07%

4) Seleção Natural x Seleção Sexual
A seleção sexual não depende da luta pela existência como a seleção natural, mas sim da luta travada pelos machos visando à posse das fêmeas. Para o derrotado, a conseqüência não é a morte, mas sim a redução parcial ou total de seus descendentes. Por conseguinte, a seleção sexual é menos rigorosa que a seleção natural. De maneira geral, os machos mais vigorosos, que apresentam maior poder de adaptação ao lugar que ocupam na natureza, deixam maior número de descendentes. Em muitos casos, porém, a vitória irá depender não do vigor em geral, mas do fato de se possuírem determinadas armas especiais, exclusivas do sexo, como por exemplo os chifres dos veados e as esporas dos galos. Um veado sem chifre ou um galo sem esporas teriam pouca possibilidade de deixar descendência.
(A Origem das Espécies de Charles Darwin)

Baseado na leitura e interpretação do texto de Darwin, podemos afirmar que:

(A) a seleção natural e a seleção sexual são mecanismos idênticos que os seres vivos utilizam na luta pela sobrevivência.
(B) no mecanismo da seleção sexual, para o derrotado, a morte é inevitável.
(C) os chifres dos veados e as esporas dos galos são essenciais para sua sobrevivência.
(D) a seleção sexual é mais vigorosa que a seleção natural, determinando a sobrevivência dos mais fortes ou vigorosos.
(E) de modo geral os machos mais vigorosos e com caracteres especiais típicos do sexo são aqueles que deixam maior número de descendentes.

5) Os ricos, após ocuparem a maior parte das terras não assinaladas no ager publicus, confiando que, com o passar do tempo, ninguém as tomaria mais, voltaram-se contra os pequenos proprietários vizinhos, dominados pela pobreza e relegados ao desamparo, seja por meios amigáveis, seja pela força; dessa forma, em vez de pequenos campos, passaram a ser cultivados grandes domínios. Para fazer render essas terras, eles se serviam de escravos para o trabalho de cultivo e para o pastoreio; os ricos proprietários tinham medo de que, se empregassem homens livres, estes abandonassem as culturas para ingressar no Exército. Além disso, esse procedimento lhes trazia um benefício considerável, em razão do nascimento de novos escravos. Eles acumulavam também grandes riquezas e o número de escravos se multiplicava no país. Os italianos, ao contrário, sofriam o despovoamento e a falta de homens, despojados que estavam pela pobreza, pelas contribuições e pelo serviço militar. Eles se corrompiam na sua ociosidade, pois as terras estavam nas mãos dos ricos, que não os empregavam como cultivadores; no lugar de homens livres, utilizavam os escravos. O latifúndio perdeu a Itália.
(Apiano, As Guerras Civis)

O texto faz referência:
(A) ao processo de decadência da economia romana durante o Baixo Império, quando se acentuou o êxodo urbano e o desenvolvimento das "vilas".
(B) às transformações ocorridas na agricultura romana em decorrência da expansão militar no Mediterrâneo, quando aa agricultura para exportação arruinou a pequena propriedade. e levou ao êxodo rural.
(C) às transformações econômicas que assinalaram a decadência da exploração coletiva do solo e a restauração da propriedade privada da terra, durante o período monárquico.
(D) ao processo de formação dos feudos na Europa Ocidental.
(E) à formação da economia pré-capitalista na Baixa Idade Média

As questões de número 06 e 07 devem ser respondidas, com base no seguinte texto:

No dia 26 de abril de 1986, ocorreu o acidente com o reator nuclear de Chernobyl. A parte superior de reator foi destruída, liberando para a atmosfera grande quantidade de ar contaminado com poeira radioativa. Dentre os vários elementos radioativos lançados, destacamos: o iodo-131 (possui meia vida de oito dias), quando ingerido ou inalado pelo ser humano, deposita-se na tireóide; o césio-137 (possui meia vida de trinta anos), quando absorvido pelo organismo, substitui o potássio, indo para os músculos. (A Radioatividade e o Lixo Nuclear, M. Elisa Marcondes Helene)

6) Em alguns países europeus, foram distribuídos para a população comprimidos de iodo não-radioativo porque:

(A) satura a tireóide, evitando a absorção do iodo-131.
(B) inibe a ação do iodo-131
(C) reage produzindo compostos não-radiativos.
(D) o aumento da concentração de iodo-131, no organismo, provoca o bócio ou papeira.
(E) o aumento de sua concentração no sangue inibe o funcionamento da tireóide.

7) O tempo necessário para que a quantidade de iodo-131, que contaminou uma pessoa, se reduza a 12,5% da quantidade inicial é:
(A)
8 dias.
(B) 30 anos.
(C) 16 dias.
(D) 90 anos.
(E) 24 dias .

8) Curare é uma substância retirada de plantas e provoca paralisia da musculatura esquelética, quando aplicada em um animal. Um dos efeitos mais notáveis é a paralisia da musculatura, relacionada com os movimentos respiratórios, o que conduz à morte por falta de oxigenação.

Sabendo-se que:

I. os músculos esqueléticos são acionados por nervos motores;
II. nervos e músculos podem ser estimulados eletricamente; dessa forma, os nervos conduzem impulsos e os músculos sofrem contração.
III. com o emprego de curare, os nervos motores e os músculos continuam respondendo à estimulação elétrica, aplicada diretamente sobre cada um deles.
IV. quando os nervos são estimulados, eletricamente, não desencadeiam contração nos músculos em que estão ligados.
A partir do exposto, é correto concluir que o curare atua:

(A) diretamente nos nervos.
(B) nos músculos.
(C) nos tendões do tecido muscular.
(D) no cérebro que é responsável pelo comando das atividades, incluindo os movimentos.
(E) na ligação entre nervos e músculos.

9) O gráfico abaixo mostra o custo médio, por quilômetro, para carros novos comprados, no ano indicado, e utilizados 10 000 quilômetros anualmente:

Em 1992, a média aproximada do custo de utilização de um carro compacto foi:

(A) R$ 360,00.
(B) R$ 3.400,00 .
(C) R$ 4.100,00.
(D) R$ 4 500,00.
(E) R$ 4 900,00.

10) Entre 94 e 96, o aumento percentual foi de aproximadamente:

(A) 20% para carro médio
(B) 10% para carro mini
(C) 25% para carro médio
(D) 25% para carro mini
(E) 6% para carro compacto

O texto a seguir registra aspectos da disputa política e econômica entre as classes produtoras do período monárquico brasileiro. Leia-o para responder à questão:

As novas indústrias começaram a ser instaladas, mas pouco representavam em relação ao principal setor da economia: as grandes fazendas de café, que cresciam animadas pela procura internacional. Seus donos eram os maiores defensores do trabalho escravo e não estavam dispostos a mudar os métodos que lhes davam tanta riqueza e prestígio. Passaram a comprar escravos de quem os tinha, pagando o que pedissem, dando origem a outro negócio: buscar escravos nas cidades e no Nordeste, para vendê-los aos cafeicultores. Em pouco tempo, organizou-se um lucrativo tráfico interno e, aparentemente, solucionara-se a problemática de cafeicultores e escravagistas. Mas o primeiro sinal de que nem tudo era como os escravagistas sonhavam surgiu em 1857. Uma crise fez cair o preço do café, desencadeando uma reação em cadeia. O ministro da Fazenda, o liberal Bernardo de Sousa Franco, viu o problema como oportunidade para retomar uma política favorável aos projetos industriais. Mas acabou afastado e substituído por um conservador adepto da política escravagista clássica: preservar os favorecidos em detrimento do resto.
(in História do Brasil, Jorge Caldeira, Cia das Letras, s/ edição, 1997)

11) Marque o erro de entendimento:

(A) Os antigos traficantes de escravo conseguiram adaptar-se à nova realidade de sua profissão.
(B) Os cafeicultores agiam na contramão das tendências capitalistas.
(C) A economia interna, já na época monárquica tinha alguma dependência de oscilações internacionais.
(D) Os cafeicultores e escravagistas tinham tal força política que se permitiam influenciar sobre troca de autoridades.
(E) O tráfico escravagista da África para o Brasil foi ainda mais reforçado pelo novo tráfico interno.

12) O caminhão frigorífico holandês chegou ao porto de Dover à meia-noite do domingo 18, vindo de Zeebrugge, na Bélgica. Parecia-se com tantos outros que cruzam o Canal da Mancha nos ferry-boats. Transportaria apenas tomates. Mas os agentes da alfândega descobriram uma parede falsa no reboque. Atrás dela estavam os corpos de 58 chineses cujo sonho de uma vida melhor no Reino Unido terminou asfixiado...
A cada ano, há um exército maior de aposentados na Europa e um contingente menor de trabalhadores ativos. O resultado é menos dinheiro disponível na previdência social para pagar benefícios. A fórmula da falência: despesas crescentes e receitas em queda. Depois de séculos de exportação de colonizadores para terras distantes o velho mundo precisa de imigrantes. Mesmo contra o discurso de correntes políticas e de parte da opinião pública.
(Revista Época, Ano III, nº 110, 26 de junho 2000)

A leitura do texto ajuda você a compreender que:

(A) os países europeus devem restringir a entrada de novos imigrantes para acabar com o perverso comércio de seres humanos
(B) a morte de clandestinos ilustra o paradoxo de um continente que rejeita, mas depende de estrangeiros
(C) a intolerância européia com os imigrantes é explicada pelo elevado número de idosos que apresentam uma postura conservadora e xenófoba
(D) o receituário antiimigratório europeu acaba provocando este tipo de tragédia ao coibir a entrada de asiáticos no continente
(E) A maior parte da população européia é contrária à entrada de novos imigrantes, pois haverá uma sobrecarga maior sobre a previdência

13)

Fonte: gráfico elaborado pelo autor com base nos dados do IBGE. Anuário Estatístico do Brasil. 1995 págs. 2-9 e 2-17

Sábado, 6 da manhã. A algazarra domina a estação central de trem de Campinas, a 100 quilômetros de São Paulo. Cinqüenta turistas de cabelos grisalhos preparam-se para embarcar rumo a um passeio pelo interior paulista. A bordo de uma "maria-fumaça", a euforia é tanta que aqueles senhores e senhoras até parecem colegiais em viagem de férias. No caminho, pausa para visitar um museu de locomotivas antigas e quatro seculares fazendas de café. Duas horas depois o grupo desembarca na cidade de Itu. Lá eles passam o resto do dia no Camping Casarão. Aprendem a montar e desmontar uma barraca e fazem caminhada pelo meio da mata. Acampamento para idosos? Até pouco tempo atrás, seria mesmo de estranhar.
Veja 22/03/00

Faça a associação entre a tabela e o texto e assinale a alternativa correta

(A) O crescimento do número de idosos, no país, em função do aumento das taxas de natalidade favoreceu a atividade turística.
(B) O conhecimento da estrutura etária de um país é muito importante para organizar o fluxo turístico em todas as faixas etárias.
(C) A predominância de adultos na estrutura etária brasileira em função da maior longevidade favoreceu o processo de informalidade na atividade turística.
(D) O crescimento do número de idosos, nas últimas décadas, em função da maior longevidade criou uma importante demanda de lazer para a terceira idade.
(E) O conhecimento da estrutura etária brasileira permite avaliar o potencial turístico entre os idosos, adultos e jovens

14) Em 1990, foi oficializado o início do projeto genoma humano. Cientistas de vários países começam a trabalhar em sincronia para mapear todo o material genético humano. O objetivo é identificar a função de cada um dos genes.
Em 2000 é anunciado que o projeto genoma informa o mapeamento total do cromossomo 21, o menor de todos, com 225 genes identificados.
Dez anos depois de lançado, o projeto genoma, permitirá a identificação de todos os genes do corpo humano. Em relação ao DNA, podemos considerar verdadeiro.

(A) No núcleo das células humanas, existem 23 cromossomos que são constituídos por milhares de genes.
(B) Os genes comandam a síntese de proteínas, determinando as características de um indivíduo por meio de reações químicas nas células de um indivíduoOs genes comandam a síntese de proteínas, determinando as características de um indivíduo por meio de reações químicas nas células de um indivíduo.
(C) As proteínas formadas por um comando genético, têm unidades denominadas A (adenina), C (citosina), G (guanina) e T (timina).
(D) O projeto genoma determinará o fim de todas as doenças de origem genética na espécie humana, até o final do século.
(E) Os genes humanos, presentes nos cromossomos apresentam um mecanismo de ação que não sofre influência ambiental e não pode ser alterado em sua manifestação.

15) Leia atentamente o texto a seguir:

Ultravioleta e câncer
As autoridades sanitárias de todo o mundo mostram-se alarmadas com o grande aumento da incidência do câncer de pele. A freqüência do melanoma dobrou na última década na Austrália, a campeã do câncer cutâneo, mas fato idêntico ocorreu no norte da Europa.[...]
Alguns sem dúvida procurarão atribuir essa explosão à rarefação da camada de ozônio que periodicamente ocorre na estratosfera. [...] Mas é relativamente pequena a contribuição dessa rarefação, embora as medidas tomadas contra o uso de clorofluorcarbonados e outros produtos que para ela concorrem, diminuiu um pouco a incidência do carcinoma. [...]
O maior responsável pelo crescimento do câncer de pele, segundo especialistas dos EUA, é o hábito de expor o corpo por muito tempo ao sol, nas praias e também em salões de bronzeamento.
Os três principais tipos de câncer cutâneo (o carcinoma escamocelular, o basal e o melanoma) desenvolvem-se na epiderme, que é a camada externa da pele.[...]
As células epidérmicas tornam-se malignas quando o seu DNA (material genético) se divide sem controle. Essa transformação pode ter muitas causas, como exposição excessiva aos raios X, queimaduras, irritações repetidas ou doenças infecciosas. Mas o culpado mais comum é a radiação ultravioleta. [...] Convém lembrar que o UV exerce ação supressiva do sistema imune que talvez explique em parte a sensibilidade das células a seus efeitos. A hereditariedade também pode contribuir para o aparecimento do câncer.
Os carcinomas basais raramente formam metástases (disseminação do tumor a outros pontos), ao contrário dos escamosos. Os melanomas, também, produzem metástase, mas sua origem muitas vezes é diferente. Eles podem aparecer em áreas de pele geralmente cobertas pelo vestuário e resultam de episódios repetidos de queimaduras solares com formação de bolhas.
(José Reis , especial para a Folha de São Paulo.)

Em relação ao exposto, é correto afirmar que:

(A) o câncer de pele só é causado por radiação ultravioleta.
(B) com a destruição de parte da camada de ozônio, não ocorre nenhum aumento de risco de aumento de câncer de pele.
(C) a partir de 1992, a taxa de desemprego foi decrescente.
(D) a metástase corresponde ao processo por meio do qual o câncer se desenvolve em um tecido, a partir de uma alteração do DNA de suas células.
(E) o comportamento das pessoas, expondo-se ao sol em busca de bronzeamento intensifica o risco de desenvolvimento de câncer de pele.

16) Maria José e José Maria, recém-casados, adquiriram uma residência num condomínio fechado. A casa está localizada numa rua com ligeira inclinação. O portão da garagem, de massa M é apoiado sobre rolamentos, desliza sobre trilhos acompanhando a inclinação da rua. Os rolamentos e os trilhos são de ótima qualidade, bem dimensionados de tal modo que o atrito é praticamente nulo. Entretanto, abrir o portão requer um esforço extraordinário e, por causa da inclinação ele se fecha por si só com relativa violência. O esquema a seguir ilustra a situação:

Visando adequar o uso do portão aos esforços compatíveis para o ser humano, um aluno do Ensino Médio sugeriu a montagem de um "contrapeso" de massa m, que se desloca no interior de um fosso, conforme ilustra a figura a seguir:

Para que a abertura e o fechamento do portão ocorram com o menor esforço possível, devemos ter:

(A) m = M.
(B) m = M · sen a.
(C) m = M · cos a.
(D) m = M · tg a
(E) m = M (sen2a + cos a)

17) Os puritanos eram na sua maioria representantes da burguesia mercantil, adeptos do puritanismo, forma mais radical de calvinismo. A revolução foi resultado do descompasso entre o avanço da burguesia e o Estado absolutista, que já não atendia mais aos seus interesses.
A manipulação da política religiosa em benefício do Absolutismo provocou um choque aberto entre o rei (que pretendia legitimar o seu poder por meio das características católicas mantidas no anglicanismo) e o Parlamento (que pretendia defender seus direitos, radicalizando sua posição no puritanismo).
A partir da leitura do texto, pode-se concluir que os puritanos entraram em conflito com o absolutismo inglês:

I. pelo descompasso entre o capitalismo e o Estado absolutista inglês.
II. como resultado da conjugação de fatores de ordem política, econômica e religiosa. (capital-puritano x Absolutismo-anglicano)
III. pela adoção por parte da Monarquia Inglesa do pensamento liberal na economia e política internas.

Estão corretas as proposições:

(A) I e II apenas.
(B) I e III apenas.
(C) II e III apenas.
(D) todas estão corretas.
(E) Manuel Bandeira considera a diversidade dos falares brasileiros uma agressão à Língua Portuguesa.

18) As baterias dos telefones celulares possuem metais pesados como o níquel e o cádmio, elementos que provocam poluição do ambiente, sendo incorporados pelas células dos seres vivos, causando prejuízos à saúde.

Os fabricantes devem reciclar o material destas baterias, que não devem ser jogados no lixo doméstico, porque:

(A) a água, ao evaporar, arrasta estes metais para as nuvens, que voltam à superfície terrestre na forma de chuva ácida
(B) pela ação das chuvas estes metais podem ser carregados para os lençóis freáticos, contaminando-os
(C) pela ação da luz solar, estes metais podem evaporar contaminando o ar
(D) quando absorvidos pelos vegetais, estes metais alteram a taxa de transpiração
(E) quando em contato com a água, estes metais reagem produzindo principalmente o ácido sulfúrico

Texto I
Iria morrer, quem sabe se naquela noite mesmo? E que tinha ele feito de sua vida? Nada. Levara toda ela atrás da miragem de estudar a pátria, por amá-la e querê-la muito, no intuito de contribuir para a sua felicidade e prosperidade. Gastava a sua mocidade nisso, a sua virilidade também; e, agora que estava na velhice, como ela o recompensava, como ela o premiava, como ela o condecorava? Matando-o . E o que não deixava de ver, de gozar, de fruir, na sua vida? Tudo. Não brincara, não pandegara, não amara _ todo esse lado da existência que parece fugir um pouco à sua tristeza necessária, ele não vira, ele não provara, ele não experimentara. (...)
E, bem pensando, mesmo na sua pureza, o que vinha a ser a Pátria? Não teria levado a sua vida norteado por uma ilusão, por uma idéia a menos, sem base, sem apoio, por um Deus ou uma Deusa cujo império se esvaía?
(Triste Fim de Policarpo Quaresma - Lima Barreto)

Texto II
Quando o português chegou
Debaixo duma bruta chuva
Vestiu o índio
Que pena!
Fosse uma manhã de sol
O índio tinha despido
O português.
(Poesias Reunidas - Oswald de Andrade)

Texto III
A cada canto um grande conselheiro,
Que nos quer governar cabana e vinha;
Não sabem governar sua cozinha,
E podem governar o mundo inteiro.
Em cada porta um bem freqüente olheiro,
Que a vida do vizinho e da vizinha
Pesquisa, escuta, espreita e esquadrinha,
Para o levar à praça e ao terreiro.

Muitos mulatos desavergonhados,
Trazidos sob os pés os homens nobres,
Posta nas palmas toda picardia,
Estupendas usuras nos mercados,
Todos os que não furtam muitos pobres:
E eis aqui a cidade da Bahia.
(Satírica, vol 1 - Gregório de Matos)

19) Considerando os textos lidos anteriormente, marque a análise errada:

(A) Os textos II e III são próximos entre si, no que diz respeito à dominação estrangeira sobre a cultura localOs textos II e III são próximos entre si, no que diz respeito à dominação estrangeira sobre a cultura local
(B) Também no texto I é possível entrever a presença de um dominador, mas diferenciado comparativamente aos outros dois textos
(C) No texto II percebe-se uma expectativa quanto a uma forte reação indígena contra o invasor
(D) Em que pese a atitude nacionalista nos três textos, apenas o autor do III faz alusão a um dos males do Brasil: a corrupção.
(E) Tendo em vista a ordem cronológica dos aspectos históricos implícitos, a ordem dos textos é II, III e I

20) Ainda sobre os textos lidos, aponte o erro:

(A) O foco narrativo de 3ª pessoa e o fato de não ter o componente satírico são diferenciadores do texto I, relativamente aos outros dois
(B) No texto II não se faz presente o artificialismo típico da linguagem poética
(C)
Dois quartetos e dois tercetos, em versos decassílabos, são componentes do soneto, como no texto III
(D) A intertextualidade que aproxima e equaliza os três textos origina-se da abordagem cultural
(E) Quanto aos períodos literários a que pertencem, os textos são, respectivamente, pré-moderno, moderno e barroco

As três questões seguintes são relativas ao texto abaixo.

Nos veículos atuais são usados motores de combustão interna que utilizam como combustível o diesel, a gasolina ou o álcool. Em qualquer um deles existe um bloco que contém cilindros com pistões móveis e um virabrequim, fabricados com ligas de aço, bronze ou alumínio. No interior desses cilindros ocorre: a admissão de uma mistura de ar e combustível, uma compressão dessa mistura, a explosão do combustível a partir de uma centelha elétrica (os motores a diesel não possuem vela de ignição) e o escape para o exterior do motor dos gases resultantes da explosão (motor de 4 tempos). A eficiência real de um motor de explosão interna de gasolina está em torno de 20%

21) No motor de um automóvel ocorrem várias transformações de energia. A partir da energia potencial química do combustível obtêm-se a energia cinética de rotação das rodas. Qual das alternativas abaixo está correta em relação a estas transformações?

(A) A energia liberada pela explosão do combustível, no interior dos cilindros, é convertida inteiramente em trabalho (energia de movimento)
(B) Durante a explosão do combustível, no interior dos cilindros, uma pequena parcela de energia é perdida para o meio ambiente
(C) A energia liberada pela explosão do combustível, no interior dos cilindros, não é conservada, há destruição de um parte considerável de energia
(D) O calor obtido pela explosão da gasolina, no interior do cilindro, é igual ao calor de combustão da gasolina
(E) Durante a explosão do combustível, no interior dos cilindros, uma parcela considerável da energia liberada é transferida para o ambiente

22) Em relação ao material que deve ser usado na construção dos motores de explosão interna, estão sendo feitas pesquisas para torná-los mais eficientes, por exemplo, em vez de metais poderia ser usada um tipo de cerâmica. Em relação ao material usado na construção destes motores, qual alternativa está correta?

(A) Os motores podem ser fabricados com material mau condutor de calor, para reter boa parte da energia térmica liberada, evitando assim o aquecimento global
(B)
O material usado na fabricação destes motores deve ser leve, resistente a choques e mau condutor de calor.
(C) Os motores devem ser fabricados com material bom condutor de calor, para liberar boa parte do calor produzido na explosão de gasolina para o meio ambiente, além de ser leve e resistente a choques.
(D) Para se evitar um aquecimento demasiado do motor, ele deve ser fabricado com material mau condutor de calor
(E) O material usado na construção deve ser leve e resistente, não importando se ele é mau ou bom condutor de calor, pois a energia liberada pela explosão interna é totalmente transformada em energia cinética

23) Gasolina e diesel são misturas de hidrocarbonetos. Uma combustão típica que ocorre nos motores é:
Combustível + ar è hidrocarbonetos + óxido de nitrogênio (NOx) + monóxido de carbono + dióxido de carbono + água

Assinale a alternativa incorreta em relação a essa combustão.

(A) A emissão de hidrocarbonetos ocorre porque uma parte do combustível injetado nos cilindros não é queimado
(B) Sobre alta pressão e temperatura no interior dos cilindros do motor, os gases nitrogênio e oxigênio, presentes no ar, reagem para formar vários óxidos de nitrogênio (NOx).
(C) Monóxido de carbono é um gás incolor, sem cheiro e venenoso
(D) Dióxido de carbono não atinge diretamente a saúde dos humanos, mas é um "gás estufa" e o aumento de sua concentração na atmosfera contribui para o potencial aquecimento global
(E) Monóxido de carbono é um gás incolor, sem cheiro e não atinge diretamente a saúde dos humanos, mas é um "gás estufa" e o aumento de sua concentração na atmosfera contribui para o potencial aquecimento global.

24) Leia atentamente o texto a seguir.

TERAPIA DEMOCRÁTICA
A Aids surgiu em 1981. Apelidada de "câncer gay", ela fazia mais vítimas entre homossexuais masculinos e hemofílicos. Em 83, os cientistas isolaram o vírus HIV e em seguida desenvolveram testes para a sua detecção. As transmissões por sangue contaminado se reduziram.
Em 96, foi anunciado o maior avanço, o coquetel anti-Aids, uma combinação de medicamentos que se revelou eficiente no controle da carga viral dos doentes, sem contudo ser capaz de eliminar o vírus em caráter definitivo. Os pacientes passaram a viver mais e com mais qualidade. A Aids, para os que têm acesso ao coquetel, caminha para tornar-se uma doença crônica, em que pese o grave problema das co-infecções.
Desenvolveram-se vacinas experimentais, mas nenhuma demonstrou grande eficácia e muitos pesquisadores duvidam da viabilidade de uma, dada a alta variabilidade do vírus.
A epidemia só não foi uma catástrofe ainda maior porque os preservativos mostraram-se uma barreira eficiente contra a contaminação sexual. Sua eficácia é proporcional ao nível de informação da população.
No campo da epidemiologia da doença, há pouco a comemorar. A moléstia transpôs rapidamente os limites dos grupos de risco iniciais. Hoje a transmissão predominante é pelas relações heterossexuais.
Ainda mais grave foi a distância que se abriu entre países desenvolvidos e miseráveis, particularmente os da África subsaariana, que responde por 80% dos casos mundiais. Em algumas nações da região, o índice de contaminação chega a impressionantes 25%.
(Folha de São Paulo,13 de julho de 2000.)

A respeito da Aids, foram feitas as seguintes afirmações:

(A) o número de indivíduos que padecem com a Aids na África revela que a enfermidade deve-se a apenas padrões sócio-econômicos baixos;
(B) não é possível deter os efeitos da instalação do HIV no organismo humano;
(C) atualmente o HIV é transmitido principalmente por meio de relações entre indivíduos homossexuais;
(D) o chamado "coquetel" constitui um controle contra a Aids, mas não é considerado como uma vacina;
(E) o nível educacional não apresenta interferência na distribuição da Aids pelo mundo.

25) Considere as seguintes afirmações sobre a água em nosso planeta.

I. A maior porcentagem de água é representada pela água doce.
II. Matas ciliares são de grande importância na manutenção das nascentes dos rios.
III.O mercúrio é um perigoso poluente apenas do mar.

O mercúrio é um perigoso poluente apenas do mar.

(A) I e III apenas
(B) II e IV apenas
(C) I, II, III e IV
(D) IV apenas
(E) II e III apenas

As duas questões seguintes referem-se ao texto abaixo:

Em um concurso de televisão, apresentam-se ao participante 3 fichas voltadas para baixo, estando representada em cada uma delas as letras T, V e E. As fichas encontram-se alinhadas em uma ordem qualquer. O participante deve ordenar as fichas ao seu gosto, mantendo as letras voltadas para baixo, tentando obter a sigla TVE. Ao desvirá-las, para cada letra que esteja na posição correta ganhará um prêmio de R$ 200,00.

26) A probabilidade de o participante ganhar algum prêmio é igual a:

(A) 0
(B) 1/3
(C) 1/4
(D) 1/2
(E) 2/3

27) A probabilidade de o concorrente ganhar exatamente o valor de R$ 400, 00 é igual a:

(A) 0
(B) 1/3
(C) 1/2
(D) 2/3
(E) 1/6

28)

Deus! ó Deus! onde estás que não respondes?
Em que mundo, em qu'estrela tu t'escondes
Embuçado nos céus?
Há dois mil anos te mandei meu grito,
Que embalde desde então corre o infinito...
Onde estás, Senhor Deus? ... (...)

Não basta inda de dor, ó Deus terrível?!
É, pois, teu peito eterno, inexaurível
De vingança e rancor?...
E que é que fiz, Senhor? que torvo crime
Eu cometi jamais que assim me oprime
Teu gládio vingador?! ... (...)

Cristo! embalde morreste sobre um monte...
Teu sangue não lavou de minha fronte
A mancha original.
Ainda hoje são, por fado adverso,
Meus filhos _ alimária do universo,
Eu -pasto universal... (...)

Considerando os trechos poéticos acima, analise as afirmações a seguir.

I. Por terem estilo eloqüente, pela insistência no uso de apóstrofes, pela pontuação exclamativa e pela tematização da justiça, esses versos são da autoria de Castro Alves.
II. Também nesses versos, Castro Alves imprime sua marca de legítimo romântico, ao registrar a amorosidade do eu-lírico e a defesa da sua pátria.
III. A par da temática antiescravagista desse poeta, podemos entender "Meus filhos - alimária do universo", por escravos e "Eu - pasto universal" por África.

Marque:

(A) se I e II forem corretas
(B) se I e III forem corretas
(C) se II e III forem corretas
(D) se todas forem corretas
(E) se todas forem erradas

29)
Digo que havia duas metades da Humanidade que, tanto uma quanto a outra, não sabiam que existiam, e que se encontraram; que, para a Europa, resultaram daí benefícios absolutamente prodigiosos - não é preciso enumerá-los - enquanto para os outros foi, ao contrário, uma destruição de seres, de obras de arte e de valores. Portanto, não se trata de ver nas comemorações - de certo, é necessário comemorar - a ocasião de uma espécie de regozijo ou de triunfo pelo espírito empreendedor da Europa, mas de se ver a ocasião muito grave, muito digna, para essas duas metades da Humanidade, de se encontrarem para tentar compreender, sob todos seus aspectos, o que é talvez o acontecimento mais importante da História da Humanidade.
(Lévi Strauss in Cunha G - 6)

A partir do texto acima e de seus conhecimentos, assinale a alternativa que identifica o processo em questão.

(A) Revolução Neolítica - Europa
(B) Feudalismo - Ásia
(C) Expansão marítima e comercial-América
(D) Revolução Industrial - África
(E) Imperialismo - Oceania

30) O texto da questão anterior revela que o autor faz uma proposta baseada na idéia de

(A) mostrar desprezo pelos povos encontrados, ao recusar reconhecer-lhes cultura e identidade próprias, distintas das da Europa; isto, evidentemente, legitima a empresa da conquista e a imposição da cultura européia, a única aceita como verdadeira.

(B) inverter a História: ao marcar o início, o nascimento, a origem dos povos encontrados, a partir da chegada deles, europeus, e não a partir da História interna e tradicional dos nativos.

(C) desconhecer os direitos dos povos nativos: ao desconsiderar os legítimos direitos desses povos às terras onde viviam e às riquezas que produziam, o que justificava a exploração econômica e a montagem do sistema colonial.

(D) proclamar ao mundo e a si mesma (Europa) a ocupação de uma terra descoberta, deserta, e portanto disponível para exploração mercantilista.

(E) fugir à conotação eurocêntrica de "Novo Mundo" e de "Descobrimento", propondo uma visão de "encontro de dois mundos", discutindo suas conseqüências no processo de desenvolvimento da História da Humanidade.

Tese 1
"Os que se opõem ou criticam o processo afirmam que a privatização, ao lado da desnacionalização, transferiu o filé mignon das áreas mais lucrativas e eficientes para conglomerados internacionais, criando um escoadouro de recursos para o exterior. (...) Embora condenem o estado desenvolvimentista do modo como ele se estruturou no país, entendem ser importante recriá-lo com uma nova orientação social."
(Revista Veja, "Dividem-se os poços")

Tese 2
"Os argumentos favoráveis indicam que o desenvolvimento deve ser legado ao mercado e à integração econômica global, e não mais fruto de decisões de âmbito nacional. Nessa visão, o mundo caminha para um sistema econômico e social cada vez mais integrado, enfraquecendo as fronteiras políticas e tornando as sociedades mais homogêneas. Os partidários desse ponto de vista acusam a burocracia estatal de ter se tornado um monstro incontrolável e muito distante dos interesses populares."
(Revista Veja, "Dividem-se os povos")

31) A partir da leitura da tese I, os argumentos utilizados para defender a não-privatização das estatais:

I. São contrários ao processo de privatização, na sua forma e conteúdo.
II. São favoráveis à desnacionalização da economia como um todo.
III. Condenam o estado desenvolvimentista do modo como ele se estruturou, mas defendem sua reestruturação.
IV. Apresentam a globalização como caminho para a criação de uma "comunidade mundial".

Estão corretas as proposições:

(A) I e II apenas.
(B) I e III apenas.
(C) II e IV apenas.
(D) I, III e IV apenas.
(E) Todas estão corretas.

32) A partir da leitura da tese II, quais os argumentos utilizados para defender a privatização das estatais?

I. O desenvolvimento deve ser entregue ao mercado (iniciativa privada).
II. As privatizações estão inseridas no quadro mais geral da integração econômica global (globalização).
III. As empresas estatais devem continuar como um fruto das decisões de âmbito nacional.
IV. A burocracia estatal pode viabilizar o desenvolvimento econômico e social da nação.

Estão corretas as proposições:

(A) I e II apenas.

(B) I e IV apenas.

(C) II e IV apenas.

(D) I, II e III apenas.

(E) I, III e IV apenas.

33) Nas ligações elétricas domiciliares é comum o uso de interruptores em paralelo, isto é, em dois pontos distintos de um ambiente existem interruptores que ligam e desligam uma lâmpada, qualquer que seja a posição inicial do botão. Os aparelhos destinados a essa finalidade constam de três terminais. O terminal central P corresponde ao cabo elétrico sempre conectado. Quando acionamos o botão, li gamos o ponto P ao ponto A ou ao ponto B. Das alternativas abaixo, apenas uma representa um circuito em paralelo, corretamente montado, para um dormitório. Assinale-a:

(A)

(B)

(C)

(D)

(E)

34) Duas espécies de caruncho, A e B, alimentam-se de grãos de trigo. Os gráficos a seguir mostram o crescimento de populações dessas espécies, colocadas em um mesmo ambiente e em temperaturas diferentes.

Acerca do que foi exposto, considere as seguintes afirmações:

I. A espécie A é predadora de B à temperatura de 29,1 °C.
II. A e B apresentam relação ecológica de competição.
III. A e B não ocupam exatamente o mesmo nicho ecológico pois seu maior desenvolvimento depende de condições ambientais diferentes.
IV. A e B apresentam relação de parasitismo.

Estão corretas as afirmações:

(A) I, II e III apenas
(B) II e III apenas
(C) II e IV apenas
(D) III e IV apenas
(E) I e III apenas

Uma escola de ensino médio tem 250 alunos que estão matriculados na 1ª , 2ª ou 3ª série. 32% dos alunos são homens e 40% dos homens estão na 1ª série, 20% dos alunos matriculados estão na 3ª série, sendo 10 alunos homens. Dentre os alunos da 2ª série, o número de mulheres é igual ao número de homens.

A tabela abaixo pode ser preenchida com as informações dadas:

35) O valor de a + d é:

(A) 130
(B) 124
(C) 92
(D) 102
(E) 120

36) 

A fala do terceiro balão estaria mais de acordo com a norma culta se fosse refeita como na opção?

(A) Ei, Mafalda! Adivinhe onde levar-te-emos?
(B) Ei, Mafalda! Advinhes aonde te vamos levares?
(C) Ei, Mafalda! Adivinhe aonde a levaremos?
(D) Ei, Mafalda! Advinhe onde a levaremos?
(E) Ei, Mafalda! Adivinha aonde a levaremos?

37) "O Renascimento surgiu na Itália em virtude das condições favoráveis que essa região apresentava. Basta lembrar o grande desenvolvimento das "Repúblicas Italianas" (Florença, Veneza, Gênova, dentre outras) bastante enriquecidas em razão do monopólio do comércio de especiarias orientais. A tradição clássica era muito mais intensa na Itália do que em outras regiões européias, e a atuação dos mecenas se fez sentir com extraordinário vigor."
Tendo em vista a conjuntura descrita no texto acima, podemos concluir que:

(A) o autor refere-se exclusivamente às mudanças vinculadas ao declínio feudal e ao renascimento urbano comercial;
(B) as cidades italianas catalisavam as transformações econômicas e sociais, possibilitando a efervescência cultural, referencial de transformações que sintetizavam a época renascentista.
(C) a Renascença entravou o progresso cultural-científico da Europa Moderna, tendo como principal exemplo as "Repúblicas Italianas".
(D) o Renascimento e o Humanismo são movimentos europeus dos séculos XVIII e XIX, integrantes de um mesmo conjunto de fenômenos que no plano religioso, artístico, cultural e filosófico revelaram a decadência da sociedade capitalista em formação.
(E) o Renascimento e o Humanismo são movimentos europeus dos séculos XVIII e XIX, integrantes de um mesmo conjunto de fenômenos que no plano religioso, artístico, cultural e filosófico revelaram a decadência da sociedade capitalista em formação.

Metalurgia
Estuda a obtenção, purificação e o estudo das propriedades dos metais a partir de seus minérios.

Os minérios (minerais economicamente viáveis) são extraídos e sofrem processos de redução em três grandes áreas de Metalurgia:

a) pirometalurgia: reações químicas (Redox) a altas temperaturas

I) Zinco: 

II) Ferro: 

III) Cobre: 

O carvão coque (hulha) pode sofrer oxidação (queima incompleta) formando o monóxido de carbono (CO), gás tóxico, incolor, insípido e insolúvel em água.

b) eletrometalurgia: utiliza energia elétrica para reduzir cátions metálicos.

A eletrólise pode ser ígnea (fusão) ou aquosa.
Ex.: 

c) hidrometalurgia: utiliza soluções aquosas na extração do metal.

38) Assinale a proposição incorreta:

(A) Na pirometalurgia I, a obtenção de zinco é acompanhada de um gás que, ao lado do metano, CFC, NOx, H2O contribui para o aquecimento global.
(B) Na pirometalurgia II, o reagente utilizado (redutor siderúrgico) em quantidades acima de 800 ppm, pode provocar a morte por "asfixia".
(C) Na pirometalurgia III, o gás obtido inicialmente é chamado de anidrido sulfúrico, pois em água forma o ácido sulfúrico.
(D) O gás obtido nas "pirometalurgias" pelo aquecimento excessivo do ar atmosférico (acima de 1000 °C) e com possíveis faíscas elétricas pode provocar chuva ácida (nítrica) que, embora corrosiva, é importante para o solo (). Este gás participa do smog fotoquímico, juntamente com NO2.
(E) O gás NO "obtido" a partir da oxidação do nitrogênio do ar, a partir da equação: N2(g) + O2(g) 2 NO(g), pode destruir a camada de ozônio, segundo a equação: NO(g) + O3(g) NO2(g) + O2(g)

39) A respeito da obtenção do alumínio, podemos afirmar que:

(A) é muito simples, pois o alumínio é encontrado praticamente puro na natureza, pois o óxido que o recobre (Al2O3) protege da oxidação.
(B) o melhor processo para obtê-lo é oxidar sais de alumínio, encontrados em abundância na água do mar.
(C) é obtido pela eletrólise aquosa da bauxita, exigindo grande quantidade de energia elétrica. Entra na composição de ligas como aço, latão e bronze.
(D) é obtido em alto-forno, devido à reação de redução do cátion (Al3+) pelo gás hidrogênio (H2).
(E) a energia (térmica e elétrica) envolvida é muito dispensiosa, encarecendo sua fabricação, isto justifica sua reciclagem.

40) Provavelmente você percebeu que as duas opiniões sobre Vargas são opostas, defendendo valores praticamente antagônicos. As diferentes interpretações do papel de uma personalidade histórica podem ser explicadas, conforme uma das opções abaixo. Assinale-a. Partindo-se de 240 toneladas de hematita, a quantidade máxima de ferro, em toneladas, que pode ser obtida pelo processo denominado de pirometalurgia, é:

Dados: O = 16; Fe = 56

(A) 168
(B) 84
(C) 336
(D) 240
(E) 120

41) Um dos momentos mais delicados de uma corrida de fórmula 1 é sem dúvida, o pit stop momento no qual o piloto entra nos boxes, troca os pneus e reabastece. Considerando-se que a tubulação e o bocal por onde flui o combustível têm secção constante de área 15 cm2, que o combustível escoa com velocidade de 3,0 m/s, e que o bólido deve ser reabastecido com 45 litros, o processo deve ocorrer durante:

(A) 6,0 segundos
(B) 8,0 segundos
(C) 10 segundos
(D) 12 segundos
(E) 14 segundos

42) O gráfico abaixo é referente a um país africano:

A partir das informações contidas no gráfico, um estudante fez as seguintes suposições acerca do país:

I. a degradação das áreas de floresta é intensa.
II. há riscos de erosão do solo.
III. a biodiversidade pode estar comprometida.
IV. o país não tem nenhuma política de preservação ambiental.

São aceitáveis as suposições:
(A) I, II, III e IV
(B) II, III e IV apenas
(C) I, II e III apenas
(D) II e III apenas
(E) III e IV apenas

43) Com relação às monoculturas, analise as seguintes afirmações :
I.
apresentam pouca diversidade;
II. estão sujeitas a múltiplas interações;
III. apresentam grande produtividade mas pouca estabilidade;
IV. são pouco suscetíveis a pragas.

Estão corretas as afirmações:

(A) II e III apenas
(B) I, II e III apenas
(C) II e IV apenas
(D) I e III apenas
(E) I, III e IV apenas

Considere o modelo abaixo para responder às questões 44, 45 e 46.
Ao fazer estudos para uma embalagem, um designer monta o seguinte modelo:

44) Considerando que suas paredes são todas desmontáveis e que a embalagem abre e fecha, para montá-la é necessário usar:

(A) 4 retângulos; 2 quadrados e 1 círculo.
(B) 3 retângulos e 1 cilindro.
(C) 3 retângulos; 2 quadrados e 1 cilindro.
(D) 5 retângulos e 1 círculo.
(E) 4 retângulos; 2 quadrados e um cilindro.

45) Se considerarmos as unidades em cm, o volume da embalagem é:

(A) maior que 5 litros.
(B) menor que 5 litros mas maior que 4 litros.
(C) menor que 4 litros mas maior que 3 litros.
(D) menor que 3 litros mas maior que 2 litros.
(E) menor que 2 litros.

46) Se o custo da produção é de R$ 100, 00 o m2, para a produção de 1 000 embalagens (considerando as unidades em cm), o custo será (em reais):

(A) maior que 20 000.
(B) maior que 18 000 e menor que 20 000.
(C) menor que 18 000 e maior que 16 000.
(D) menor que 16 000 e maior que 15 000.
(E) menor que 15 000.

47) Leia atentamente o anúncio abaixo e responda à questão seguinte:


Agência Guimarães Profissionais

A respeito da frase-chamada do anúncio, A conversa chegou na cozinha, só não é adequado afirmar:

(A) que, em virtude de o segmento-alvo do produto ser majoritariamente feminino e de classes médias e altas, deveria ser substituído por A conversa não chegou na cozinha.
(B) que ela denota, subliminarmente, o conceito machista e patriarcal de que lugar de mulher é na cozinha.
(C) que reaproveita criativamente o clichê sexista que exclui a mulher da discussão e do poder de decisão, tal como ocorre em A conversa ainda não chegou na cozinha!
(D) que há um desvio em relação à norma culta do idioma, e poderia ser substituída por A conversa chegou à cozinha.
(E) que há um desvio em relação à norma culta do idioma, semelhante ao da frase Fomos na cozinha buscar café.

48) Leia atentamente o texto abaixo:

NOVA IDÉIAS "Fica, Felipão. No fim do ano, nós vamos para o Japão".
Grito entoado por integrantes da Mancha Alviverde - torcida uniformizada do Palmeiras - em treino antes da final da Libertadores, que pedia a demissão do técnico Luiz Felipe Scolari desde a derrota em Tóquio no fim de 99, ontem na Folha.
(Folha de S. Paulo, 22/6/2000)

Uma redação mais adequada para a segunda parte do texto seria:

(A) Grito entoado, ontem na Folha, por integrantes da Mancha Alviverde - torcida uniformizada do Palmeiras - em treino antes da final da Libertadores, a qual, desde a derrota em Tóquio no fim de 99, pedia a demissão do técnico Luiz Felipe Scolari.
(B) Grito entoado, desde a derrota em Tóquio no fim de 99, por integrantes da Mancha Alviverde - torcida uniformizada do Palmeiras - em treino antes da final da Libertadores, que pedia a demissão do técnico Luiz Felipe Scolari.(Ontem, na Folha)
(C) Grito entoado, no fim de 99, por integrantes da Mancha Alviverde - torcida uniformizada do Palmeiras - em treino antes da final da Libertadores, que pedia a demissão do técnico Luiz Felipe Scolari desde a derrota em Tóquio, ontem na Folha.
(D) Grito entoado em treino antes da final da Libertadores, por integrantes da Mancha Alviverde - torcida uniformizada do Palmeiras _ que, desde a derrota em Tóquio no fim de 99, pedia a demissão do técnico Luiz Felipe Scolari.(Ontem, na Folha)
(E) Grito entoado por integrantes da Mancha Alviverde - torcida uniformizada do Palmeiras - que, desde a derrota em Tóquio ontem, pedia a demissão, no fim de 99, do técnico Luiz Felipe Scolari, antes da final da Libertadores.(Folha, ontem)

49) Analise os quadrinhos abaixo:

(SCHWARZ, L.M. & ANGELI. Cai o Império República vou ver. São Paulo: Ed. Brasiliense, 1989, p. 46.)

A partir da leitura dos quadrinhos da folha anterior, torna-se possível inferir que eles se referem ao processo de:

(A) emigração africana para o Brasil na primeira metade do séc. XIX.
(B) transição do trabalho escravo para o trabalho livre e plenamente assalariado.
(C) substituição do trabalho escravo para o livre assalariado nos centros urbanos.
(D) emigração européia, para substituição do trabalho escravo, na segunda metade do século XIX.
(E) formação da economia industrial no Brasil República.

50) Numa atividade física exagerada, as fibras musculares produzem maior quantidade de CO2, aumentando sua concentração no sangue e, conseqüentemente, a acidez do mesmo, conforme equilíbrio representado abaixo:

Este aumento de acidez estimula o centro respiratório (bulbo), levando ao aumento dos movimentos respiratórios:

Para um indivíduo que se encontra em uma ambiente com alta concentração de CO2, os seus movimentos respiratórios.

(A) não se alteram, pois a concentração de CO2 não desloca o equilíbrio.
(B) aumentam, pois com o aumento da concentração de CO2 o equilíbrio é deslocado para a direita, aumentando a acidez.
(C) diminuem, pois com o aumento da concentração de CO2 o equilíbrio é deslocado para a esquerda, diminuindo a acidez.
(D) diminuem, pois o CO2 é uma substância gasosa, à temperatura e pressão ambiente, e abandona o sistema diminuindo a acidez.
(E) aumentam, apenas em função do aumento da acidez, sem que ocorra a influência do CO2.

51) O ciclo da água na natureza está representado abaixo:

Fonte: Extraído do Livro: Água: Origem, uso e preservação. Samuel M. Branco

A água é uma substância fundamental para à existência de vida na Terra. No ciclo hidrológico, a água é transformada na natureza sob a ação das condições climáticas e dos agentes biológicos. A figura mostra o ciclo hidrológico na natureza e sobre ele são feitas as seguintes afirmações.

I. No ciclo hidrológico a água pode aparecer em três estados físicos diferentes.
II. Os lençóis freáticos, que são protegidos por rochas impermeáveis, não podem ser contaminados por atividades humanas como a agricultura e indústria, garantindo assim o abastecimento de água para populações que dependem de poços artesianos.
III. Os vegetais e animais interferem no ciclo da água por meio de processos como a ingestão, absorção, respiração, fotossíntese e transpiração.
IV. Uma grande parte da superfície do planeta é coberta pela água na forma líquida, já que a temperatura média da Terra está compreendida entre 0 °C a 100 °C.
V. A distribuição de água, assim como os estados em que ela pode ser encontrada, não interferem no clima nem nas formas de vida encontradas em diferentes regiões do planeta.

Podemos considerar corretas as afirmações:

(A) I, II, III, IV e VB
(B) I, II e V apenas.
(C) I, II , III e IV apenas.
(D) I, III e IV apenas.
(E) II, III, IV e V apenas.

52)

 

 

Entre 1930 e 1938, de acordo com o gráfico, quantas vezes a quantidade de indivíduos desempregados foi de 8 milhões?

(A) apenas uma
(B) duas
(C) três
(D) quatro
(E) b) duas e) cinco

53)

Fontes: VITOR, M. A. M. A devastação florestal. São Paulo: Sociedade Brasileira de Silvicultura, 1975; FUNDAÇÃO SOS MATA ATLÂNTICA/INPE. Atlas da evolução dos remanescentes florestais e ecossistemas associados do domínio da mata Atlântica no Estado de São Paulo no período de 1985-1990. São Paulo, 1992.

SAMPAIO, F.A.A., ANGELO-FURLAN, S. Políticas públicas, desmatamento e agricultura no vale do rio Ribeira de Iguape: estudo de caso 5. São Paulo: Instituto de Pesquisas
Ambientais, 1995. Inédito.

t (anos)

Associe as tabelas e assinale a alternativa correta:

(A) A expansão do café no Estado de São Paulo contribuiu para o desmatamento da floresta tropical, exceto no Vale do Ribeira onde os imigrantes japoneses introduziram uma mentalidade preservacionista.
(B) As diferenças na intensidade de desmatamento são explicadas principalmente pelo motivo de o Vale do Ribeira não ter acompanhado as fases econômicas no Estado, tornando-se uma região de economia marginal.
(C) As diferenças no índice de desmatamento são explicadas pela intervenção do governo estadual no Vale da Ribeira para evitar os escorregamentos que provocam grandes danos materiais e assoreamento dos rios.
(D) A maior preservação da Mata Atlântica no Vale do Ribeira é explicada pela presença de áreas remanescentes de quilombos onde os negros desenvolvem uma agricultura comercial sustentável.
(E) A evolução da perda da cobertura florestal no Estado de São Paulo é associada à expansão da cana-de-açúcar no Vale do Paraíba no século XIX, provocando o isolamento do Vale do Ribeira.

54) Águas contaminadas são responsáveis por um grande número de doenças nas populações humanas como cólera, diarréias, hepatite infecciosa, esquistossomose e outras verminoses.A figura a seguir mostra a relação entre o índice de mortalidade infantil e o acesso das populações a água limpa.

Considere as seguintes afirmações:

I. As melhorias das condições de saneamento básico para as populações seria um mecanismo para diminuir os índices de mortalidade infantil provocada por doenças adquiridas via águas contaminadas.
II. Há uma forte ligação entre a falta de acesso à água limpa e altos índices de mortalidade infantil.
III. Os excrementos humanos representam uma das fontes mais sérias de poluição das águas.
IV. Países como a França e os Estados Unidos resolveram totalmente o problema da mortalidade infantil e garantiram o acesso à água limpa para suas populações.
Assinale a alternativa de acordo com as afirmações anteriores:

(A) I, II, III e IV.
(B) III e IV. I, III e IV.
(C) III e IV.
(D) I, II e III.
(E) eI, III e IV.

55) Os gráficos abaixo mostram informações divulgadas pelo departamento de pesquisa do banco americano J. P. Morgan sobre a economia japonesa.

Em reportagem sobre esse assunto, a revista Veja, tomando essas informações como referência, pode ter afirmado que:

(A) o aumento ocorrido na produção industrial em 1996 está associado ao crescente grau de confiança dos japoneses sobre sua condição de vida.
(B) o nível máximo de consumo real das famílias japonesas ocorre simultaneamente com o nível máximo de produção industrial e o maior grau de confiança em sua condição de vida.
(C) aumentos de consumo real das famílias japonesas provocaram aumento na produção industrial.
(D) ao final do período 1996-1999, os japoneses estão cada vez mais confiantes em relação ao futuro, mas as lojas vendem cada vez menos.
(E) como em toda economia do primeiro mundo, no Japão o aumento do grau de confiança sobre as condições de vida provoca o aumento do consumo real das famílias aumentando também a produção industrial.

56) Baseado no esquema e nos conhecimentos da História da vida na Terra, analise as afirmações a seguir e assinale a alternativa correta.

História do desenvolvimento de diferentes formas de vida na Terra, comparada com uma escala de tempo de 24 horas.

I. O surgimento do homem é um evento bastante recente na História da vida na Terra.
II. Considerando a escala de tempo de 24 horas, os vertebrados com adaptações à vida terrestre surgiram em torno de 9 horas da noite.
III. Os grupos animais representados por I, II, III e IV surgiram na Terra há, aproximadamente, 65 milhões de anos.
IV. Os animais invertebrados apresentados no esquema são evolutivamente mais recentes do que os vegetais terrestres na História da vida na Terra.
V. Os animais indicados por II estão representados hoje por cobras, lagartos, crocodilos, jacarés, jabutis, tartarugas e cágados.

(A) I, II, III, IV e V estão corretas.
(B) I, II, III e V estão corretas.
(C) I, II e V estão corretas.
(D) II, III, IV e V estão corretas.
(E) II, III e IV estão corretas.

57) Considerando as relações de parentesco que podem ser feitas com a análise do esquema anterior, qual das espécies indicadas por números apresenta maior grau de parentesco com o homem?

(A) I
(B) II
(C) III
(D) IV
(E) V

58) Quando a economia transnacional estabeleceu o seu domínio sobre o mundo, solapou uma grande instituição, até 1945 praticamente universal: o Estado-Nação territorial, pois um Estado assim já não poderia controlar mais que uma parte cada vez menor de assuntos. Organizações cujo campo de ação era efetivamente limitado pelas fronteiras de seu território, como sindicatos, parlamentos e sistemas públicos (...) saíram portanto perdendo, enquanto organizações não limitadas desse jeito, como empresas transnacionais [se beneficiaram] (...)
(Hobsbawn, Eric J. Era dos Extremos,
São Paulo. Cia das Letras, 1996)

O texto permite concluir que no pós Segunda Guerra Mundial, verifica-se

Quando a economia transnacional estabeleceu o seu domínio sobre o mundo, solapou uma grande instituição, até 1945 praticamente universal: o Estado-Nação territorial, pois um Estado assim já não poderia controlar mais que uma parte cada vez menor de assuntos. Organizações cujo campo de ação era efetivamente limitado pelas fronteiras de seu território, como sindicatos, parlamentos e sistemas públicos (...) saíram portanto perdendo, enquanto organizações não limitadas desse jeito, como empresas transnacionais [se beneficiaram] (...)
(Hobsbawn, Eric J. Era dos Extremos, São Paulo. Cia das Letras, 1996)
O texto permite concluir que no pós Segunda Guerra Mundial, verifica-se

(A) a crise do Estado-Nação e o fortalecimento das corporações transnacionais.
(B) o fortalecimento das instituições supranacionais e sindicais.
(C) o enfraquecimento do modelo neoliberal, pois prega a ação reguladora do Estado na economia.
(D) o apogeu do Estado-Nação territorial em detrimento da internacionalização do capitalismoo apogeu do Estado-Nação territorial em detrimento da internacionalização do capitalismo.
(E) a consolidação da rede das transnacionais e a crise do modelo neoliberal.

59) Leia o texto abaixo:

Segundo o chefe-geral da Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária), Luiz Antonio Barreto de Castro, a área mundial cultivada com plantas transgênicas passou de 1,7 milhão de hectares em 1996 para cerca de 40 milhões de hectares em 1999. Muitas dessas plantas são empregadas como ração para animais e diretamente como alimento humano. O cultivo de plantas transgênicas no Brasil e em países europeus está despertando muita polêmica quanto à segurança para a saúde humana e a riscos ambientais.

Em relação aos seres transgênicos, pode-se afirmar que:

I. plantas transgênicas recebem material genético de outro ser vivo, sendo incorporado ao seu próprio patrimônio genético;
II. podem ter como vantagens a maior resistência a insetos ou herbicidas, ou ainda um ganho de produtividade;
III. o DNA pode atuar em seres vivos diferentes porque o código genético é universal, ou seja, trios diferentes de bases nitrogenadas correspondem ao mesmo tipo de aminoácido;
IV. o material genético só pode ser transferido entre seres de uma mesma espécie.

Estão corretas as afirmações:

(A) I, II, III e IV
(B) I, II e IV apenas
(C) I, II e III apenas I, II e III apenas
(D) II e III apenas
(E) III e IV apenas

O texto a seguir refere-se às questões 60, 61 e 62.

Um jovem, morador da cidade de Santos, resolveu estudar o fenômeno das marés. Inicialmente buscou em seus livros de física uma explicação e encontrou como resposta que as marés ocorrem principalmente devido à ação
gravitacional da Lua, pois sua força gravitacional que age em cada ponto da Terra tem valor diferente, gerando assim uma deformação na massa de água. De modo simplificado pode representar esse fato pelo esquema a seguir:

Observou também que a ação gravitacional do Sol contribui no fenômeno, porém em uma escala menor.
Visando entender melhor o fenômeno, mediu as alturas das marés durante 14 dias, montando assim a tábua de marés apresentada abaixo, lembrando sempre de observar a fase da Lua no dia.

60) Partindo das informações encontradas pelo jovem, podemos concluir que a ocorrência das marés altas em Santos é periódica e ocorrem, aproximadamente, de:

(A) duas em duas horas.
(B) seis em seis horas.
(C) doze em doze horas.
(D) dezoito em dezoito horas.
(E) vinte e quatro em vinte e quatro horas.

61) A variação da maré foi mais acentuada no dia:

(A) 22/7
(B) 27/7
(C) 24/7
(D) 30/7
(E) 02/8

62) Considerando a ação do Sol e da Lua, podemos afirmar que as marés mais intensas (de maior amplitude), chamadas marés vivas, ocorrem: Considerando a ação do Sol e da Lua, podemos afirmar que as marés mais intensas (de maior amplitude), chamadas marés vivas, ocorrem:

(A) somente na lua cheia.
(B) somente na lua nova.
(C) somente na lua quarto minguante.
(D) nas luas cheia e nova.
(E) nas luas quarto minguante e quarto crescente.

63) O carbono 14 existe em todos os seres vivos, na proporção de 10ppb (partes por bilhão). Quando morrem, eles deixam de incorporar átomos de carbono dos alimentos, e a quantidade de radioisótopos começa a diminuir. O gráfico seguinte ilustra como acontece o decaimento do carbono 14 em função do tempo.

Calcula-se que o linho que envolvia os pergaminhos do Livro de Isaías, descoberto em uma caverna de Israel, tenha aproximadamente 2000 anos. O teor de carbono 14 que foi encontrado nesse material deve ter sido aproximadamente igual a:

(A) 10 ppb
(B) 8 ppb
(C) 6 ppb teor de carbono 14 (ppb)
(D) 5 ppb
(E) 4 ppb

Ver Gabarito

© 2001 COC Sistema de Ensino - Ribeirão Preto